Você encontra aqui conteúdos da disciplina História e Cultura Afro- Brasileira para estudos e pesquisas, como também, assuntos relacionados à Política, Religião, Saúde, Educação, Gênero e Sociedade.
Enfim assuntos sobre o passado e sobre nosso cotidiano relacionado à História do Brasil e do Mundo.







Seguidores

Visitantes

quarta-feira, 25 de maio de 2011

25 de Maio, Dia da África

A 25 de Maio comemora-se o “Dia de África”. África é o segundo continente mais populoso e mais extenso, depois da Ásia. Pensa-se ter sido em África que nasceram os primeiros seres humanos. Os mais antigos fósseis de hominídeos com cerca de cinco milhões de anos foram aqui encontrados. Dos 42 países que a constituem, em 5, fala-se português (Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e S. Tomé e Príncipe). Em 25 de Maio de 1963, reuniram-se em Adis Abeba - Etiópia 32 chefes de estado africanos contra a subordinação que o seu continente sofria há séculos… Ao longo dos tempos e com os mais diversos termos, colonialismo, neocolonialismo, "partilha de África" os povos africanos viam as suas riquezas naturais e humanas roubadas por povos que se consideravam superiores. Na reunião de Adis Abeba, esses líderes criaram a OUA (Organização da Unidade Africana), hoje a União Africana.
Dada a importância desse encontro, a ONU, em 1972, instituiu o dia 25 de Maio como Dia da Libertação de África. Simboliza a luta e combate dos povos do continente africano pela sua independência e emancipação. Representa a memória colectiva dos seus povos e o objectivo comum de unidade e solidariedade na luta para o desenvolvimento económico do continente.
A criação da OUA deu forma à vontade dos africanos em se unirem num corpo único, capaz de responder, de forma organizada e solidária, aos desafios que visam criar as condições necessárias à construção do futuro dos filhos de África… Estudiosos da política africana afirmam que o continente deve eliminar factores como a instabilidade política e as mudanças ideológicas constantes. Também consideram necessário que as decisões da UA sejam cumpridas nos países membros. Os conflitos, diminuíram e muitos países têm governos democráticos no entanto em Darfur continua a violência que afecta milhões de vidas. Na fronteira da Etiópia com a a Eritreia arrasta-se o conflito apesar de todos os esforços de paz e o conflito no Norte do Uganda tornou-se numa das piores tragédias humanitárias do mundo. Na África ao Sul do Sahara o vírus do VIH/SIDA tem um efeito devastador no futuro do continente africano.

É Dia de África!!!
Pois é…
como se o 25 de Maio
fosse o único dia
que África necessita
neste sistema sapal
onde muitos
se engendram,
parecem
e são
filantes ou sipaios,
corruptos e decrépitos,
ditadores ou senis.
.
É Dia de África!!!
Pois é…
tal como os outros dias

onde a vergonha
e falta de pudicícia
a apreensão e a sedição,
a míngua e a penúria,
o nepotismo e a corrupção,
a doença e a falta de prevenção
vivem em harmonia perfeita.
.
É Dia de África!!!
Pois é…
com um povo famélico que clama,
ao Mundo que observa
impávido e pacato
sempre pronto nas oferendas
que nunca,
ou tarde,

chegam…
.
É Dia de África!!!
Pois é…
para um Continente rico
em petróleo
e recursos hídricos,
em veios auríferos
e rios diamantíferos
mas…
uma cólera que se espalha
o sida que não pára
um paludismo endémico
um qualquer vírus que germina
um Continente mais que epidémico.
.

É Dia de África!!!
Pois é…
mas como gostava
que África
fosse notícia,
sempre novidade,
não por este dia,
não pela miséria,
não pela enfermidade
não pela corrupção;
que fosse
porque este dia,
é só,
deve ser,mais um
entre 365 fúteis dias
de alguma normal reprodução

de um qualquer frívolo almanaque.
.
É Dia de África!!!
Pois é…
é tudo isso,
e muito mais que se não diz…
Mas é a minha África!!!!

.
Lobitino Almeida N’gola
(Lisboa, 24.Maio.2006)

Fonte: Fotos das flores de África e o poema foram recolhidos na net. No video Miriam Makeba e Paul Simon cantam o Hino da União Africana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário