Você encontra aqui conteúdos da disciplina História e Cultura Afro- Brasileira para estudos e pesquisas, como também, assuntos relacionados à Política, Religião, Saúde, Educação, Gênero e Sociedade.
Enfim assuntos sobre o passado e sobre nosso cotidiano relacionado à História do Brasil e do Mundo.







Seguidores

Visitantes

sábado, 12 de março de 2011

Relações Étnico-raciais - Prevenção da Discriminação no Brasil

© UNESCO

A sociedade brasileira é uma das mais ricas de todo o mundo em termos de cultura e diversidade racial. As fontes de dados sobre a questão racial vêm-se aperfeiçoando e mostram claramente que as atitudes discriminatórias contra as populações indígenas e negras persistem na sociedade brasileira.

Essa situação não só é prejudicial aos direitos humanos mais fundamentais como constitui também obstáculo ao desenvolvimento harmônico de uma sociedade rica em diversidade e em barreira ao progresso de um Brasil mais justo e mais democrático. Ela é também um desafio aos princípios da paz, do diálogo e da tolerância abraçados pela UNESCO.

Esse desafio pode se beneficiar de abordagens especializadas, provenientes, particularmente, da capacidade especializada que a UNESCO detém nas Ciências Humanas e Sociais. No entanto, a magnitude e a complexidade da luta contra os diversos tipos de discriminação justificam a introdução de uma abordagem transversal, capaz de mobilizar a totalidade dos recursos da Organização.

O Escritório da UNESCO em Brasília envida todos os esforços no sentido de gerar sinergias e apoiar iniciativas que, indo além das áreas programáticas, possam contribuir de forma efetiva na luta contra o racismo. Em particular, deve ser implementado um conjunto de ações visando à mobilização dos atores públicos e privados que já trabalham na promoção da igualdade racial.

Ações importantes em prol das relações étnico-raciais:

Programa Brasil-África: Histórias Cruzadas: promove a importância da interseção das histórias brasileira e africana.

Coleção História Geral da África em Português: pretende disseminar uma nova visão sobre o continente africanos para os brasileiros a fim de mostrar à sociedade que a história da África não está confinada ao tráfico de escravos e à pobreza.

Programa Rota do Escravo: consiste num instrumento para a conscientização da sociedade brasileira sobre a importância desse patrimônio histórico, facilitando assim sua integração no desenvolvimento da identidade nacional.

Fonte: http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/special-themes/ethnic-and-racial-relations-in-brazil/#c155019

Nenhum comentário:

Postar um comentário