Você encontra aqui conteúdos da disciplina História e Cultura Afro- Brasileira para estudos e pesquisas, como também, assuntos relacionados à Política, Religião, Saúde, Educação, Gênero e Sociedade.
Enfim assuntos sobre o passado e sobre nosso cotidiano relacionado à História do Brasil e do Mundo.







Seguidores

Visitantes

quarta-feira, 3 de março de 2010

A papisa do feminismo



Betty Friedan

Nascida, 4 de Fevereiro de 1921 em Peoria, de seu nome Betty Naomi Goldstein, era mais conhecida como Betty Friedan e foi uma importante ativista feminista do sec. XX.Tendo participado em vários movimentos marxistas e judaicos, em 1963, foi publicado o livro por ela escrito, “The feminine Mystique”, que deu origem à segunda vaga de feminismo, visto que foi best-seller. O livro falava do papel da mulher na indústria e na sua função de dona de casa.
Foi umas das co-fundadoras da Organização Nacional das Mulheres, nos EUA, com Pauli Murray.
Ajudou também na criação de uma organização de fomento aos direitos reprodutivos, onde também se incluiu o aborto.
É considerada uma das maiores feministas do sec. XX.
Morreu no dia do seu aniversário, em 2006,em sua casa, de falência cardíaca congestiva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário